Vidros Polarizados … Oi?!

Olá, o mercado do vidro está em constante evolução e sempre buscando novas tecnologias e maneiras de inovar nossa interação com o ambiente no dia-a-dia.

Um exemplo disso são os vidros polarizados, esses vidros já existem e estão mudando a nossa maneira de ver janelas e divisórias – literalmente! =)

O que são vidros polarizados?

É um vidro laminado onde entre as duas lâminas, ao invés de um intercalante comum, há um dispositivo de partículas suspensas de cristal líquido que se torna opaco ou translúcido. Essas partículas de cristal líquido se organizam quando há uma corrente elétrica passando por elas, e com a organização dessas partículas nós conseguimos enxergar através do vidro. Quando não há corrente elétrica as partículas “relaxam” e se bagunçam, tornando o vidro opaco.

Vidro polarizado
Esqueminha demonstrando o interior da laminação.

O resultado desse vidro, são janelas e painéis que são opacos quando estão desligados, mas que ao toque de um botão esse vidro se tornam transparentes. Isso quer dizer que você consegue privacidade no ambiente acionando um botão ou até mesmo pelo smartphone se houver automatização.

Vidro polarizado

O vidro polarizado pode ser utilizado em banheiros, salas, escritórios… Mas ele deve ser aplicado sempre com a borda protegida, por isso o vidro deve ser encaixilhado e não autoportante.

Vidro polarizado

Por necessitar de energia elétrica também é necessário que haja uma preparação de conduítes ligando um ponto de energia ao lugar (pela parede ou forro) onde o vidro será instalado para o recebimento da solução.

Vidro polarizado

O vidro polarizado também pode ser aplicado em janelas e portas de correr, para isso é necessário levar em consideração que a bandeira (pare de cima do vidro) precisa de um espaço adicional para acomodar a fiação que deve acompanhar o movimento da mesma.                 Vidro polarizadoVidro polarizado

Eu já imagino esse vidro em uma cobertura envidraçada de uma área de lazer… É possível barrar o sol durante o dia, e deixar transparente a noite para olhar o céu! Imaginou?

Existem diversos tipos de vidros mutáveis: Eletrocrômico, Fotocrômico, Termocrômico, de partículas suspensas (SPD) e de cristal líquido disperso em polímeros (PDLC) – também conhecido como polarizado.

O que falamos acima, foi o de cristal liquido disperso em polímeros (PDLC). Ele se transforma de translúcido em “leitoso” assim que uma corrente elétrica é aplicada.

Eletrocrômico

O vidro abaixo é o eletrocrômico, com um estímulo elétrico (como a campainha, onde a corrente não fica ligada o tempo todo – o que quer dizer economia de energia) o vidro se altera lentamente de transparente para uma cor translúcida mais escura, geralmente o azul.

O processo pode levar de alguns segundos à alguns minutos dependendo do tamanho do vidro, ele começa a modificar das bordas para o centro.

Vidro polarizado

Vidro de partículas suspensas (SPD)

O vidro polarizado de partículas suspensas ou SPD, também funciona à partir da eletricidade e seu aspecto vai do incolor à uma coloração escura opaca, a vantagem é que podemos controlar a a intensidade da opacidade do vidro conforme desejado (ou da incidência solar) somente com a voltagem da energia, como uma dimerização.

vidro polarizado

Pude ver esse vidro em funcionamento em uma viagem recente onde peguei um vôo da Qatar e todas as janelas tinham o sistema dimerizável.

A troca da cor também pode ocorrer ao decorrer do dia conforme movimentação do sol se o vidro for automatizado com um sistema que regule a intensidade da cor do vidro de acordo com a luminosidade do lado de fora do ambiente essa luminosidade pode ser reduzida entre 2 e 20%. Ou seja, seu vidro trabalha sozinho para que seu ambiente sempre tenha uma iluminação confortável… isso é o futuro! Que já chegou!

Vidro Eletrocrômico

Esse vidro, apesar de controlar a luminosidade não tem um controle de calor tão bom quanto os vidros de proteção solar! (ainda!!)

Fotocrômico

Os vidros fotocrômicos são como aqueles que vemos em óculos de grau que se transformam em óculos de sol ao ter contato com os raios solares, eles modificam sua opacidade de acordo com a incidência de raios UV sobre eles. Porém são vidro que não são comercialmente interessante e vão continuar somente em pequenas peças de vidro como óculos.

vidro polarizado

Termocrômico

O vidro termocrômico é o mais avançado e ainda mais simples de todos! Ele simplesmente usa o calor (raios infravermelhos do sol) para alterar sua cor, quanto mais direto e intenso o sol bater, mais escuro o vidro fica. Sem corrente elétrica e sem gasto energético.

Isso permite uma grande economia em energia, já que o vidro se adapta e adapta também a iluminação do ambiente, permitindo que a luz do dia seja aproveitada ao máximo.

vidro polarizado

Apesar de não serem tão recentes, esses tipos de vidro já existem a pelo menos 5 anos, ainda não são muito difundidos por causa do alto custo! Até imagens legais são difíceis… Mas conforme as pesquisas avançam e os custos diminuem, esses excelentes vidros estarão em breve em muitos projetos por aí!

3 comentários sobre “Vidros Polarizados … Oi?!

  1. Olá Monise,
    Parabéns pela pesquisa e pelo post!
    Gostaria apenas de esclarecer que os vidros polarizados são compostos por polímeros de cristal líquido e não SPD. Por isso, no mercado internacional, os vidros de privacidade “polarizados” são chamados de PDLC (Polymer Dispersed Liquid Crystal) Glass , enquanto os vidros inteligentes com tecnologia SPD (Suspended Particle Device) são conhecidos como vidros dinâmincos dimerizáveis. O vidro polarizado se transforma, instantaneamente, de transparente a opaco, enquanto o SPD-Smartglass permite que o usuário controle a quantidade de luz através do vidro.

    Abraços!

    1. Olá Georgios,

      Agradeço a atenção e o interesse no tópico.
      Reformulei o post para esclarecer melhor sobre os tipos de vidros inteligentes e a função deles, eu havia escrito de maneira mais sucinta mas você me mostrou que eu poderia estar confundindo as pessoas e por isso achei melhor reformula!
      Peço desculpas, mas eu editei seu comentário tirando os links pois falam muito sobre uma determinada marca e não gostaria de associar as informações que passo com marcas específicas. As marcas que coloco aqui no site vez ou outra, são marcas que utilizo no dia-a-dia e posso falar com propriedade sobre as mesmas.
      Mais uma vez agradeço a preocupação e a correção.
      Atenciosamente,
      Monise Carvalho.

Deixe uma resposta