Tetos envidraçados!

Quando pensamos em luz natural, geralmente nos vem em mente janelas, janelões, fachadas envidraçadas… Mas hoje vou falar de tetos envidraçados, luz que vem de cima, através de tetos envidraçados.

No meu projeto final da faculdade de Arquitetura eu quis utilizar soluções em vidro no teto para poder aproveitar a luz natural e ventilação natural, meu projeto era muito horizontal e eu sentia que o interior do projeto precisava ter mais contato com o lado externo.

tetos envidraçados

Esse foi meu projeto de conclusão de curso… ainda bem que evoluímos com o tempo, certo? Rsss

Enfim, é que como falei dele precisava ilustrar…os circulos e o telhado cinza são aberturas na laje com fechamento em vidro. Esse projeto foi todo feito na experiência do usuário com o interior, por isso o exterior é tão caótico! Rsss

Abaixo uma imagem de um teto de vidro em uma cozinha, gosto muito da iluminação que a solução traz. Nessa imagem os vidros são fixos e com pelo menos 8mm de espessura e laminados (NBR 7199 – todo envidraçamento horizontal deve ser laminado para evitar acidentes em caso de quebra).

tetos envidraçados

Muita gente não gosta dessa solução porque acredita que junto com a luz, entra também o calor. Atualmente temos diversos tipos de vidro de proteção solar diminuem a partir de 30% o calor que entra no ambiente – existem soluções que diminuem em 83% o calor. Escolhemos o vidro de acordo com o projeto, sua incidência solar e o aspecto desejado tornando possível o uso de muito vidro, mesmo em países tropicais como o nosso.

Abaixo vemos outras maneiras de usar o “teto de vidro”, o uso dessa solução em corredores e escadas é ideal já que são ambientes de ligação e ajudam a espalhar a iluminação a outros cômodos.

tetos envidraçadosQuando utilizarmos essa solução em salas de TV e quartos devemos nos preocupar também com as pessoas que fazem uso desses cômodos e não vão querer luz em certos momentos, como no momento de ver um filme ou dormir. Então é bom pensar em um blecaute para o espaço, ele pode ser interno ou externo… Mas acho o interno melhor por vedar bem a luz e precisar de menos limpeza e manutenção.

tetos envidraçadostetos envidraçados

Existem diversas maneiras de utilizar aberturas zenitais (no teto), o projeto abaixo fica em Zamora na Espanha (Zamora Offices) e utiliza aberturas pequenas e redondas para trazer iluminação natural.

 tetos envidraçadostetos envidraçados

A casa abaixo levou ao extremo a idéia, por fora é uma caixa com estreitos rasgos horizontais, mas quando olhamos por dentro podemos ver que a iluminação vem toda lá do alto… todos os pisos e tetos são de vidro, o que torna o projeto muito diferente sem deixar de ser legal. Tudo bem que eu não moraria ai, mas realmente quebra paradigmas.

tetos envidraçadostetos envidraçados tetos envidraçadostetos envidraçados

Vertical Glass House – Xangai

Mas voltando à realidade, o teto de vidro pode ter diversos tipo de sustentação, função, acabamentos, inclinações (mínimo de 3%)… veja abaixo algumas opções:

Com estrutura toda em vidro trazendo a leveza, ou com estrutura metálica.

tetos envidraçadostetos envidraçados

Abaixo com estrutura bem discreta, que aparece somente na junção dos vidros e na parte mais baixa (viga metálica).
tetos envidraçados

Uma excelente solução é utilizar o teto de vidro em um solário, integrando teto e parede. O teto também é uma ótima maneira de iluminar o banheiro, se tiver uma banheira melhor ainda. Imagina tomar banho olhando as estrelas? Muito relaxante.

tetos envidraçadostetos envidraçados

A casa abaixo utilizou o teto de vidro na integração dos cômodos internos, ganhando muita iluminação natural e a sensação de ter um átrio em uma casa. Aqui o vidro laminado se apoia em perfis de alumínio e o caimento do vidro é bastante sutil mas dentro do indicado (mínimo de 3% de inclinação).

tetos envidraçados

Abaixo um banheiro bastante iluminado e com vidro acidato para manter a privacidade, já que o andar de cima é uma cobertura de convivência.

tetos envidraçados

O tetos de vidro também podem ser móveis para que possamos aproveitar a ventilação natural também. Abaixo podemos ver o teto todo retrátil, fechado e aberto. O ideal é que tetos retrateis sejam automatizados para facilitar o dia-a-dia, mas também podem ser manuais.

tetos envidraçadostetos envidraçados

Abaixo uma outra opção com apenas um caimento de águas, podemos ver que a estrutura corre sobre um trilho que além de orientar o movimento garante a fixação do sistema.

tetos envidraçados

O projeto abaixo deveria entrar na seção piscinas, mas também tem a função de trazer luz e integração entre os dois pavimentos. Aqui a estrutura é bastante reforçada por causa do peso da água além do peso do vidro, os vidros utilizados nessa piscina/teto de vidro é um vidro multilaminado e temperado para aguentar a pressão que a água faz sobre ele.

tetos envidraçados

Não podemos esquecer que todo teto de vidro deve ser laminado para evitar acidentes em caso de quebra.

{ Pisos de vidro }

Se tem uma coisa que me traz uma excelente sensação em projetos é a iluminação natural, e pisos de vidro além de toda a sua beleza e leveza permitem que a iluminação natural se propague pelos cômodos e espaços do projeto.

Pisos de vidro:

pisos de vidro

Falei do projeto acima nesse post sobre iluminação natural zenital (do teto), mas ele é um ótimo exemplo de como o piso de vidro pode deixar a luz do ambiente superior passar para o ambiente inferior. Isso porque a Vertical Glass House (Xangai) tem uma abertura no teto, por onde a luz entra e essa luz é propagada pelos 3 andares por pisos de vidro!

O projeto abaixo é um triplex que fica na Romênia, ilustra perfeitamente a idéia da iluminação natural e de quebra é um belíssimo projeto em vidro incolor laminado com estrutura em aço inox.

O guarda-corpo da escada segue a mesma idéia de deixar a iluminação natural passar e uma mesma peça une o vão dos dois lances de escada. (Falei sobre guarda-corpo nesse post aqui)

Pisos de vidro Pisos de vidro

Segundo a norma da ABNT, a NBR 7199 todo piso de vidro DEVE ser laminado! Já que em uma eventual quebra o vão não se abre e os cacos de vidro ficam colados no intercalante, garantindo que nenhum usuário se machuque com esse vidro. (Sobre vidros laminados veja esse post!)

Pisos de vidro

Outra dica é temperar a lâmina de vidro que ficará por cima do conjunto, isso garante uma maior resistência à impactos caso alguém derrube algo pesado em cima do piso. (Sobre vidros temperado eu falei aqui)

Outros tipos de vidro:

E se você está pensando que o vidro incolor tira muito a privacidade, é possível utilizar um vidro acidato ou até mesmo um vidro impresso (apesar do nome, o vidro impresso é um vidro com desenhos em alto ou baixo relevo).

Pisos de vidro Pisos de vidro

A vantagem do vidro impresso é que você pode escolher um modelo anti-derrapante e ter ainda mais segurança na sua solução, principalmente se for perto de uma área molhada.

Especificando pisos de vidro:

Para dimensionar o piso de vidro, adota-se sempre normas internacionais já que no Brasil ainda não há normas específicas para essa aplicação e os parâmetros europeus são bastante elevados. Normalmente, a carga considerada é de pelo menos 500 kgf/m2 para essa definição são usadas as normas européias e alguns cálculos que obedecem a critérios estabelecidos pela ABNT.

living-da-academiapisos de vidro

Pisos de vidroPisos de vidro

Para facilitar o dia-a-dia, a Cebrace disponibiliza um programa online que faz o calculo da espessura do vidro conforme a dimensão da peça. Por esse link você entra na área de calculo de espessura e escolhe pisos de vidro! O programa é bem auto explicativo, basta colocar as dimensões da peça em metros e responder qual o uso e se terá peso concentrado, serão sugeridos 6 tipos de solução, se não aparecer nenhuma é porque a sua peça de vidro está muito grande e você precisa dividi-la.

sala-de-estar-com-piso-de-vidro-cobertura-triplex-em-tel-aviv-israel

O progama só calcula para pisos que têm os quatro lados apoiados, ou seja todo o perímetro do vidro tem que ter uma estrutura para se sustentar. Para vidros com dois ou três lados apoiados é necessário buscar alguém especializado para calcular.

O projeto acima mostra um piso de vidro onde as peças são apoiadas em duas extremidades (as laterais), o guarda corpo é apoiado na mesma estrutura do piso, porém os vidros não se tocam.

Já os projetos abaixo mostram peças de vidro apoiadas em seus quatro lados.

pisos de vidropisos de vidro

Pisos de vidro pisos de vidro

Pisos de vidro esportivos:

Outro piso de vidro muito legal que já comentei aqui no blog é o dessa quadra poliesportiva, o piso permite que iluminação de LED delimitem as linhas referentes a cada esporte. Os vidros utilizados nessa quadra são antiderrapantes, e a cor é definida de acordo com a base utilizada, e pode ser escolhida dentre diversas cores.

pisos de vidropisos de vidro

Por essa você não esperava não é mesmo?

Apesar de não estar em altura, o vidro também deve ser laminado, para evitar acidentes em caso de eventual quebra. Quer saber mais sobre essa quadra? Eu falei dela nesse post aqui, em vidros que iluminam o esporte.

pisos de vidro

Se quiser saber mais sobre as normas técnicas de vidro, eu fiz um resuminho fácil que você pode acessar por aqui!

[:]