{ Vidro Low-e, ou baixo emissivo }

Existe vidro comum e existe vidro de proteção solar (post legal sobre proteção solar aqui), dentro da família de vidros de proteção solar existe um tipo denominado Low-e.

vidro low-e

Low-e é abreviação de low emissivity, que, em português, significa “baixa emissividade”. A emissividade é a propriedade de transmitir o calor absorvido que os materiais possuem. É uma característica do vidro à qual pode ser atribuído um valor e quanto menor for a emissividade, menos calor o vidro deixa passar.

Então vidro baixo emissivo é um vidro que tem baixa transferência de temperatura entre o ambiente interno e o ambiente externo.

Como isso funciona?

O Sol emite três tipos de ondas: os raios UV, a luz visível e o infravermelho que é o calor que sentimos quando expostos à luz solar.

O vidro Low-e possui a capacidade de refletir a maior parte das ondas infravermelhas (calor) e também dos raios UV, porém permitindo a passagem da luz visível (que é somente luz). Os vidros de proteção solar sem Low-e reduzem também a passagem da luz visível.

vidro low-e

Além dessa característica o vidro Low-e, como todos os vidros, absorve uma quantidade desse calor irradiado pelo sol. E é aí que o ele se destaca, porque a transmissão desse calor absorvido é muito pequena. Na imagem abaixo é chamado de calor re-irradiado para o interior.

vidro low-e

O chamado Valor U é um valor numérico que mensura a emissividade do vidro, ou seja, sua capacidade de transferir calor por meio de condução. Quanto menor o Valor U, menos calor esse vidro transfere. Para fazer uma comparação um vidro comum tem emissividade de 0,89, enquanto em um low-e ela pode chegar a 0,03. Esse valor é utilizado para dimensionamento de uso do ar condicionado das edificações.

vidro low-e

Muita gente me questiona se esse vidro muito utilizado fora do Brasil, realmente funciona para o nosso clima. Em um país quente, o Low-e sem proteção solar provocaria um efeito estufa deixando o calor da radiação solar entrar e impediria que ele saísse por meio de condução, aumentando a temperatura do ambiente e forçando um aumento no uso do ar condicionado.

Aqui e em outros países quentes, o Low-e é utilizado em conjunto com uma camada de controle solar que tem como principal característica o bloqueio do calor emitido pelos raios do sol. Então esse vidro de proteção solar ganha um bônus com o Low-e: a baixa transferência térmica do exterior para o interior.

vidro low-e
Archiexpo

Uma curiosidade:

Todas essas características se acentuam se o vidro for insulado (duplo). O vidro Low-e insulado é bastante utilizado na indústria de refrigeração, em geladeiras e freezers de supermercados por exemplo, já que o vidro se encaixa perfeitamente na necessidade de evitar a troca de temperatura mantendo a transparência do vidro.

vidro low-e

Deixe uma resposta