Vidro transforma casa dos anos 60!

O studio americano MW Works transformou essa casa em Seattle, que é de meados dos anos 60, com uma reforma onde diversas paredes forram derrubadas e foram substituídas por vidro criando um layout mais aberto e integrando os jardins à casa.

American studio MW Works has knocked down walls and added glazing in this 1960s home in Seattle, to create a more open layout and connecting inside and outdoors.

vidro tranforma casa dos anos 60

Essa linda residência de 800 m2 foi compra por um jovem casal com dois filhos pequenos e que quiseram reformá-la para que atendesse ao estilo de vida deles.

This beautiful 800-square-foot residence was purchased by a young couple with two small children, who wanted it renovated to suit their lifestyle.

vidro tranforma casa dos anos 60

“A disposição dos ambientes da casa era muito boa, porém os ambientes eram muito delimitados para comportar o dia-a-dia dos novos proprietários”, diz a MW Works.

“The layout of the home was very well considered, but the character and flow between spaces wasn’t a good fit for the daily patterns of the new owners,” said MW Works.

vidro tranforma casa dos anos 60

Aqui a parede deu espaço para uma esquadria em alumínio com pintura que imita madeira, com vidro incolor temperado. A vantagem de usar esquadria em alumínio é a durabilidade, a madeira requer diversos cuidados e manutenção que o alumínio não precisa.

Here the previous wall made room for an aluminum frame with colorless tempered glass, the frame has paint that imitates wood. The advantage of using aluminum frames is durability, wood requires a lot of care and maintenance that aluminum does not need.

vidro tranforma casa dos anos 60

 Até mesmo o banheiro ganhou uma clarabóia que rasga o teto de fora a fora, o que permite ver o céu e garante muita iluminação natural. No caso de clarabóias, o vidro deve ser sempre laminado!

Even the bathroom has gained a skylight that rips the ceiling across the room, allowing to see the sky and ensuring plenty of natural light. In the case of skylights, the glass should always be laminated!

vidro tranforma casa dos anos 60

Espaços que antes tinham apenas janelas comuns de tamanho padrão, receberam grandes panos de vidro de piso ao teto para que o jardim fosse visto em todas as áreas de circulação e convívio.

Spaces that once had single-pane windows,  had walls replaced with glass apertures that stretch from floor to ceiling so openings around the courtyard, circulation paths and informal spaces can be linked with the courtyard.

vidro tranforma casa dos anos 60

O escritório também re-concebeu a cozinha, que anteriormente tinha paredes que faziam a divisão entre ela e a sala de jantar e a isolava das áreas de convivência. Mas mesmo com a limitação estrutural da casa, foi possível derrubar paredes e abrir a cozinha para a casa e para o exterior, permitindo uma transição contínua entre as áreas.

The studio also re-conceived the kitchen, which formerly was walled off from the dining area and isolated from other living zones. Through limited structural modifications, the team was able to open up the kitchen, providing seamless transitions to the dining and living rooms, as well as the backyard.

vidro tranforma casa dos anos 60

Esse projeto nos mostra como aberturas maiores modificam a interação entre ambientes e a ampliação de espaços com o uso do vidro.

Para ver outros exemplos, dá uma olhada nos links ali no lado direito da tela e veja outras possibilidades do vidro na arquitetura!

This project shows us how larger openings modify the interaction between environments and the enlargement of spaces with the use of glass.

To see other examples, take a look at the links there on the right side of the screen and see other possibilities of glass in the architecture!

Tetos envidraçados!

Quando pensamos em luz natural, geralmente nos vem em mente janelas, janelões, fachadas envidraçadas… Mas hoje vou falar de tetos envidraçados, luz que vem de cima, através de tetos envidraçados.

No meu projeto final da faculdade de Arquitetura eu quis utilizar soluções em vidro no teto para poder aproveitar a luz natural e ventilação natural, meu projeto era muito horizontal e eu sentia que o interior do projeto precisava ter mais contato com o lado externo.

tetos envidraçados

Esse foi meu projeto de conclusão de curso… ainda bem que evoluímos com o tempo, certo? Rsss

Enfim, é que como falei dele precisava ilustrar…os circulos e o telhado cinza são aberturas na laje com fechamento em vidro. Esse projeto foi todo feito na experiência do usuário com o interior, por isso o exterior é tão caótico! Rsss

Abaixo uma imagem de um teto de vidro em uma cozinha, gosto muito da iluminação que a solução traz. Nessa imagem os vidros são fixos e com pelo menos 8mm de espessura e laminados (NBR 7199 – todo envidraçamento horizontal deve ser laminado para evitar acidentes em caso de quebra).

tetos envidraçados

Muita gente não gosta dessa solução porque acredita que junto com a luz, entra também o calor. Atualmente temos diversos tipos de vidro de proteção solar diminuem a partir de 30% o calor que entra no ambiente – existem soluções que diminuem em 83% o calor. Escolhemos o vidro de acordo com o projeto, sua incidência solar e o aspecto desejado tornando possível o uso de muito vidro, mesmo em países tropicais como o nosso.

Abaixo vemos outras maneiras de usar o “teto de vidro”, o uso dessa solução em corredores e escadas é ideal já que são ambientes de ligação e ajudam a espalhar a iluminação a outros cômodos.

tetos envidraçadosQuando utilizarmos essa solução em salas de TV e quartos devemos nos preocupar também com as pessoas que fazem uso desses cômodos e não vão querer luz em certos momentos, como no momento de ver um filme ou dormir. Então é bom pensar em um blecaute para o espaço, ele pode ser interno ou externo… Mas acho o interno melhor por vedar bem a luz e precisar de menos limpeza e manutenção.

tetos envidraçadostetos envidraçados

Existem diversas maneiras de utilizar aberturas zenitais (no teto), o projeto abaixo fica em Zamora na Espanha (Zamora Offices) e utiliza aberturas pequenas e redondas para trazer iluminação natural.

 tetos envidraçadostetos envidraçados

A casa abaixo levou ao extremo a idéia, por fora é uma caixa com estreitos rasgos horizontais, mas quando olhamos por dentro podemos ver que a iluminação vem toda lá do alto… todos os pisos e tetos são de vidro, o que torna o projeto muito diferente sem deixar de ser legal. Tudo bem que eu não moraria ai, mas realmente quebra paradigmas.

tetos envidraçadostetos envidraçados tetos envidraçadostetos envidraçados

Vertical Glass House – Xangai

Mas voltando à realidade, o teto de vidro pode ter diversos tipo de sustentação, função, acabamentos, inclinações (mínimo de 3%)… veja abaixo algumas opções:

Com estrutura toda em vidro trazendo a leveza, ou com estrutura metálica.

tetos envidraçadostetos envidraçados

Abaixo com estrutura bem discreta, que aparece somente na junção dos vidros e na parte mais baixa (viga metálica).
tetos envidraçados

Uma excelente solução é utilizar o teto de vidro em um solário, integrando teto e parede. O teto também é uma ótima maneira de iluminar o banheiro, se tiver uma banheira melhor ainda. Imagina tomar banho olhando as estrelas? Muito relaxante.

tetos envidraçadostetos envidraçados

A casa abaixo utilizou o teto de vidro na integração dos cômodos internos, ganhando muita iluminação natural e a sensação de ter um átrio em uma casa. Aqui o vidro laminado se apoia em perfis de alumínio e o caimento do vidro é bastante sutil mas dentro do indicado (mínimo de 3% de inclinação).

tetos envidraçados

Abaixo um banheiro bastante iluminado e com vidro acidato para manter a privacidade, já que o andar de cima é uma cobertura de convivência.

tetos envidraçados

O tetos de vidro também podem ser móveis para que possamos aproveitar a ventilação natural também. Abaixo podemos ver o teto todo retrátil, fechado e aberto. O ideal é que tetos retrateis sejam automatizados para facilitar o dia-a-dia, mas também podem ser manuais.

tetos envidraçadostetos envidraçados

Abaixo uma outra opção com apenas um caimento de águas, podemos ver que a estrutura corre sobre um trilho que além de orientar o movimento garante a fixação do sistema.

tetos envidraçados

O projeto abaixo deveria entrar na seção piscinas, mas também tem a função de trazer luz e integração entre os dois pavimentos. Aqui a estrutura é bastante reforçada por causa do peso da água além do peso do vidro, os vidros utilizados nessa piscina/teto de vidro é um vidro multilaminado e temperado para aguentar a pressão que a água faz sobre ele.

tetos envidraçados

Não podemos esquecer que todo teto de vidro deve ser laminado para evitar acidentes em caso de quebra.