Apple Store, fachada em vidro e design.

A Apple sempre nos surpreende com designs limpos e funcionais, criando objetos de desejo que revolucionaram o mercado faz algum tempo. E com o design das lojas isso não poderia ser diferente, a cultura da empresa é replicada em cada nova Apple Store aberta ao redor do mundo.

Apple always surprises us with clean and functional designs, creating objects of desire that revolutionized the market for some time now. And when it comes to the stores design, that could not be different, the company culture is replicated in each new Apple Store opened around the world.

fachada em vidro
Loja em Hangzhou, China, por Foster + Partners

O que pouca gente sabe, é que a Apple também adora utilizar vidro nas suas lojas, por todas as vantagens sustentáveis que já descrevi aqui e por permitir um design arrojado, atual e com grande resistência.

What few people know is that Apple also loves to use glass in all of their stores, for all the sustainable advantages that I have described here and for allowing a bold and current design, with great resistance.

Os arquitetos da Foster + Partners conceberam uma loja espetacular em Hangzhou, na China, com uma fachada em vidro belíssima. Na minha opinião uma das mais bonitas da empresa.

Foster + Partners Architects designed a spectacular store in Hangzhou, China, with a beautiful facade in glass. In my opinion one of the most beautiful of the company.

fachada em vidro

A fachada com vidros inteiros de 15 metros de altura (não temos essa dimensão no Brasil), e estrutura de fixação também em vidro permite uma visão completa do interior da loja. As peças de vidro, perpendiculares à fachada, fazem o travamento das folhas de vidro que compõem o paredão de vidro.

The facade with whole glass of 15 meters high, and mounting structure also in glass, allows a full view of the interior of the store. The glass pieces, perpendicular to the facade, hold in place the glass sheets that compose the glass wall.

Em dias mais ensolarados, há um sistema de persianas móveis que descem do teto, trazendo sombra e evitando o ofuscamento das telas dos aparelhos no interior da loja.

On sunny days , there is a mobile blinds system that comes down from the ceiling, bringing shade and avoiding the glare of devices screens inside the store.

fachada em vidro

Um outro destaque são as duas escadas que dão acesso ao mezanino, uma de cada lado, toda em vidro e com os degraus fixados por parafusos embutidos (na parede e no degrau).

Another highlight in this project are the two staircases that give access to the mezzanine, one on each side, made in glass that seems to float as the steps are hold in place by embedded bolts.

Fachada em vidro escada em vidro

A escada parece flutuar, dada a leveza e o menor uso possível de ferragens.

The staircase seems to float, given the lightness and the lowest possible use of hardware.

escada em vidro fachada em vidro

O guarda corpo da escada também foi feito com uma única peça de vidro (não tem divisões), e é fixado no piso nas extremidades e fixado nos degraus. Eu fico boba com o tamanho dos vidros que a China produz, pra vocês terem uma idéia a maior chapa de vidro que é produzida no Brasil tem 6 metros na sua maior largura.

The staircase railings are also made with a single piece of glass (no divisions), and it is supported by the floor at the ends and on each step. I get amazed by the size of the glass pieces that China produces. So you can understand, glass pieces that are produced in Brazil are 6 meters at its widest end.

fachada em vidro escada em vidro

Aliás as escadas de vidro das lojas são um espetáculo por si só, a Apple desenvolveu um sistema exclusivo para que as escadas tenham o mínimo de ferragens possíveis, destacando o vidro e a leveza dos projetos.

In fact the glass staircases at Apple Stores are a sight in itself, Apple has developed a unique system so the staircases have the least possible hardware, emphasizing the glass and the lightness of the projects.

escada em vidro

O guarda corpo do mezanino, foi embutido no acabamento lateral da laje, e por não ter interferências ele amplia o ambiente.

The railing system ate the mezzanine, was built into the side of the slab, and having no interference it magnifies the environment.

fachada em vidro

 

Adoro projetos assim, que parecem simples mas que têm muita tecnologia envolvida. E vocês?

Se quiser saber sobre as normas para fachadas em vidro acesse aqui!

I love projects like this, which seem simple but have a lot of technology involved. And how about you?

If you want to know more about glass facades click here !

Escadas em vidro

Escadas em vidro são sempre um destaque na arquitetura, com diversas possibilidades de modelos e acabamentos as escadas complementam perfeitamente um ambiente.

Contudo, com toda a versatilidade, muitas vezes é difícil imaginar todas as possibilidades que temos para escadas em vidro. Fiz uma pesquisa de escadas em vidro recentemente, para a inspiração de um projeto e vou compartilhar com vocês as que mais se destacaram!

Vou dividi-las entre bonitas e legais, porque para mim são qualidades diferentes que podem andar juntas ou não. As bonitas  – fácil de entender – são aquelas que enchem os olhos, já a as legais – mais subjetivas – são soluções interessantes mas que não são necessariamente as mais bonitas, ok?

Então vamos lá:

Escadas em vidro – As Bonitas

O primeiro exemplar de escada é para deixar todos de boca aberta, essa linda escada toda fabricada com vidro extra clear onde os degraus são temperados e multilaminados (três peças de vidro laminadas entre si) e o guarda corpo é um vidro laminado de 20mm no total e também é temperado.

Essa escada chama a atenção pela leveza e claridade que permite passar para todo o ambiente. Os degraus são fixados na alvenaria e no vidro através de peças de aço inox, nos vidros elas se apoiam em furos. A base do guarda corpo que encosta no piso recebeu um perfil de aço inox com 7 cm de altura.

O vidro do guarda corpo não é curvo, são duas partes que se encostam com um ângulo de 45º.

escadas em vidro

 

A escada abaixo é icônica! Ao bater o olho já sabemos que ela pertence a alguma loja da Apple. A Apple sempre tenta se superar e, inova também nos vidros sempre que alguma grande loja ou escritório é construído, um exemplo disso são as escadas em vidro. A Apple desenvolveu essa escada e todas as ferragens pertencentes à esse projeto para ter esse lindo resultado, foi necessário adaptar e desenvolver os sistemas tradicionais de beneficiamento de vidro para que essa escada fosse executada.

O centro da escada é composto por chapas de vidro curvadas em 1/4 de círculo, que sustentam todo o peso da estrutura de vidro e também fazem a proteção do vão como um guarda corpo. Já o guarda corpo que faz o fechamento externo é todo apoiado em si mesmo e nos degarus que são fixados no centro.

Uma belíssima solução que combina tecnologia, leveza e inovação.

escadas em vidro

A escada a seguir tem um conceito bem minimalista, os degraus em vidro multilaminado é fixado na parede e colado nessa parede de vidro com cola uv. Os patamares da escada seguem a mesma liguagem e são fixados nas paredes e piso intermediário. É um área do edifício reservada para as escadas e a transparência, onde a iluminação natural do último andar é espalhada por toda a escada.

Princes-Mews-W2-Glass-Stairs

A escada abaixo é um cubo de vidro, que se destaca da arquitetura da residência pela leveza e transparência.  A escada também permite que a luz seja difundida através dos vidros para os ambientes adjacentes. Os degraus e patamar são de vidro laminado acidato o que confere mais privacidade para quem sobe e desce.

As fixações dos degraus é feita por botões em aço inox e os vidros que fazem o fechamento da escada são fixados na laje.

escadas em vidroescadas em vidro

Abaixo uma imagem que detalha como é a fixação por botão entre os degraus e o guarda corpo em vidro, ela pode ter um apoio por degrau ou mais, tudo depende do modelo de botão e do design desejado.

escadas em vidro

Escadas em vidro – As Legais

A escada abaixo eu achei fantástica, nela a fixação é toda feita em vidro com vidro… Onde um grande painel em vidro recebeu faixas de vidros (coladas com cola UV), e nos intervalos entre essas faixas de vidros os degraus são apoiados (e colados com cola UV também, para evitar o desencaixe). A sensação é de uma escada onde os degraus são flutuantes.

Escadas em vidro

A próxima escada é muuuito legal, o efeito que ela tem é fantástico. Imagina uma escada que tinha tudo para ser normal e sem-graça, até que alguém resolveu fazê-la em vidro e o projeto se transformou! Nesta escada, os degraus e os espelhos dos degraus são multilaminados extra clear e fixados na alvenaria com apoio na lateral da peças.

escadas em vidroescadas em vidro

Essa escada se encaixa nas duas categorias, ela é linda e super legal! Quem trabalha com vidro vai concordar tenho certeza. Essa escada é toda estruturada em vidro sobre vidro e é travada no piso e no pavimento de cima. O seu formato cilíndrico a torna estruturalmente mais forte e suporta muito bem as cargas à que ela se submete no dia-a-dia.

Os degraus e patamar são fixados por botões em aço inox, da mesma maneira o corrimão é fixado no guarda corpo.

escadas em vidro

 

Abaixo temos o exemplo de escadas flutuantes com piso em vidro, o efeito é muito legal mas pode deixar algumas pessoas desconfortáveis na hora de subir.

Aqui peças de vidro multlaminado são encaixadas e chumbadas na alvenaria, e na uma estrutura metálica que também faz a fixação do guarda corpo em vidro. O resultado é uma escada leve que facilmente se encaixa em qualquer tipo de projeto.

escadas em vidroescadas em vidro

Essa escada também é de fácil execução e traz um efeito bem legal, de leveza e transparência de uma maneira bem clean. O vidro é fixado em um quadro metálico com pintura branca e esse quadro metálico é chumbado na alvenaria, uma solução simples que cria um visual moderno e traz iluminação natural para o ambiente abaixo da escada.

escadas em vidroescadas em vidro

E aí? Gostaram das escadas? Falei de vários tipos e soluções, acho que deu pra ter uma idéia do que é possível fazer.

E depois de muito pesquisar e pensar, a escada que desenhei é muito parecida com a escada abaixo, os degraus são em vidro extra clear pintado de branco laminado com extra clear e uma fita de LED foi pensada para iluminar os degraus e espelhos dos degraus.

escadas em vidro

Como eu não queria que a estrutura aparecesse, diferentemente da imagem, o espelho de cada degrau também é em vidro extraclear pintado de branco laminado com extra clear. Assim que pronta eu venho falar sobre a escada.

Espero que tenham gostado! Até a próxima!

Escritório de vidro!

Escritório com muito vidro!

Uma imobiliária na Cinha levou o vidro ao extremo em sua arquitetura… Esse escritório de vidro que tem paredes de espelho, divisórias em vidro de proteção e piso e teto em vidro incolor está no coração de Shangai e foi concebido pela AIM Architecture.

Escritório de vidro

Esse escritório na minha opinião é uma obra de arte, o projeto leva vidro em todos os ambientes de uma maneira bem clean e o resultado ficou lindo.

Escritório de vidro impactante…

Com ares futurista o hall de entrada do escritório merece destaque, ele é todo revestido em vidro extra clear pintado de branco com iluminação de LED embutida entre as peças, até as portas dos elevadores foram revestidas. O brilho e o acabamento do vidro são únicos e o aspecto final é impecável!

Escritório de vidro

Adorei essa solução porque ela mostra a versatilidade do vidro, ele não precisa ser aplicado somente em tampos e painéis, você pode ter uma parede toda ou até um ambiente inteiro com ele!

Escritório de vidro

E as vantagens são o brilho, a facilidade na limpeza (existe vidro antibacteriano que pode ser aplicado em consultórios, clínicas e hospitais!) e a infinidade de cores em que o vidro pode ser pintado.

Escritório de vidro

Se quiser ter uma idéia das possibilidades de cores, dá uma olhada nesse catálogo da Sayerlack.

Escritório de vidro transparente…

Os arquitetos foram muito feliz na escolha dos vidros. Além dos espelhos que revestem as paredes cegas do ambiente, o vidro incolor trouxe sensação de amplitude por ter sido aplicado no piso e no forro em todo o escritório.

Escritório de vidro

O vidro do forro e do piso são incolor, temperado e laminado o que une a estética e a segurança ao projeto conforme a norma! 😉 Não sabe as normas?? Clica aqui que eu resumi!

Escritório de vidro

Escritório de vidro refletindo…

Achei incrível essa solução para a sala de reuniões, o vidro é fixado no forro da sala deixando o vão livre do piso até 50cm de altura. O efeito é lindo, e o vidro é refletivo na cor champanhe (o aspecto mais transparente é devido à iluminação interna da sala) e temperado com 10mm de espessura.

Para acentuar o aspecto de leveza, a fixação do vidro cria um espaçamento entre o final do vidro e a laje, mantendo a linguagem de espaçamento entre piso e a divisória de vidro.

Escritório de vidro

O vidro tem um guarda corpo fixado nele para evitar que as pessoas trombem com o vidro já que não há sinalização, por questão estética.

Gosto de mostrar projetos que utilizam o vidro de proteção solar (refletivo) de maneira diferente, o aspecto do vidro traz uma diversidade de opções de uso como divisórias, tampos de mesa, painéis para esconder a Tv, entre outras muitas soluções…

Escritório de vidro

Escritório de vidro extra clear…

Já a sala que abriga uma maquete, o vidro é extra clear para garantir uma perfeita visualização da parte interna da divisória.
Escritório de vidro

O vidro que faz o papel de forro é fixado por spiders, também chamada de fixação tipo aranha. Para esse tipo de aplicação o vidro precisa ser laminado, para evitar que cacos se desprendam em caso de eventual quebra, e temperado por causa das furacões – vidros que têm furação são mais sucetíveis a quebra se não temperados.
Escritório de vidro

Gostou desse projeto? Eu também!!

Se quiser ver mais projetos inspiração é só dar uma olhadinha nos tópicos á direita e escolher. 😉

 

{ Vidros de proteção solar }

Vidros de proteção (ou controle) solar.

Vidros de proteção solar (também chamados de vidro de controle solar) causam muitas dúvidas e por isso vou falar sobre eles e sobre porque usá-los!

vidros de proteção solar

Para a especificação do vidro de proteção ou controle solar, é necessário que o projetista conheça suas características de desempenho e leve em consideração itens como transmissão de luz, calor, refletividade, cor do vidro, região em que se localiza a obra e finalidade da edificação. (viu porque sou especialista em vidro!)

Sem esses e outros estudos, há risco do projeto apresentar problemas como claridade desconfortável e aquecimento do ambiente interno ou até mesmo quebra de vidros devido ao stress térmico causado pela alta absorção do calor solar.

Primeiro: O que é um vidro de proteção solar?

Desenvolvido com tecnologia que garante o controle eficiente da intensidade de luz e do calor transmitidos para os ambientes internos, através das fachadas e coberturas, o vidro de proteção solar é um vidro comum incolor ou colorido que durante a sua fabricação, tem adição de óxidos ou sais, metálicos ou não. São essas substâncias que conferem ao produto as características de refletividade parcial. Elas se prendem como uma tatuagem no vidro e não se desprende ou desbota com o tempo (como a película). vidros de proteção solar

Porque eu devo utilizar vidro de proteção solar no no meu projeto?

O vidro de proteção solar traz várias vantagens que o vidro incolor não traz. Uma delas, como o nome já diz é a redução do calor que entra no ambiente através das portas, janelas, coberturas… Os vidros de proteção solar impedem que entre 30% e 80% do calor que atinge o vidro entre no ambiente! vidros de proteção solar Ai você me pergunta: isso é verdade? E eu te digo: É!

A tecnologia empregada atualmente nos vidros nos permite sim barrar até 80% do calor que incide no vidro!

Outra vantagem é que esses vidros diminuem a luminosidade que vem de fora, e isso é uma coisa boa sim! Vivemos em um país com alto índice de luminosidade e por isso o que geralmente fazemos é: fechar a cortina e acender a luz. Com o vidro de proteção solar você tem uma luminosidade confortável invadindo o ambiente e evita o gasto de luz artificial durante o dia. Claro que temos incidências diferentes nesse nosso Brasilzão, e devemos bloquear mais luz natural da região Norte do que da região Sul.

Como se duas não fossem o suficiente ainda há mais uma vantagem: a privacidade que o vidro refletivo proporciona. Muita gente me diz: Mas a noite com a luz de casa acesa, o vidro perde a privacidade. Bom, se fosse o vidro incolor você teria esse “problema” o dia todo, né? E há um pequeno truque para diminuir isso, utilizar iluminação direcionada para o vidro do lado de fora da casa. O esquema abaixo mostra como o vidro se comporta em relação à luz: vidros de proteção solar

E como funciona esse vidro tão tecnológico?

Pra explicar como o vidro de proteção solar funciona você precisa ver essa imagem abaixo. Ela representa um vidro de proteção solar laminado. (Falei de vidros laminados aqui)vidros de proteção solar Parece um pouco confuso, então vamos à explicação: O sol, lá de longe irradia seu calor e sua luz aqui na terra. O vidro que está nas fachadas dos edifícios e casas absorve um tanto desse calor (absorção), deixa entrar um tanto de calor no ambiente interno (transmissão) e reflete um outro tanto desse calor para fora (reflexão).

O calor que o vidro absorve esquenta o vidro em si, e esse calor do vidro também é transmitido para dentro e para fora do ambiente. Quanto mais esse vidro absorve e reflete para fora o calor menos calor entra no edifício, e por isso quanto mais refletivo (espelhado) é o vidro menos calor entra na obra.

A soma do que passa direto pelo vidro e do que é retransmitido do vidro para dentro do ambiente é chamada de Fator Solar (FS), quando especifico vidros para obras levo em consideração primeiro esse número, quanto menor o número menor a quantidade de calor a passar para dentro do ambiente.

Ex: O vidro de proteção solar da Cebrace 120 ST (4mm monolítico* – refletivo prata) tem o FS de 29, quer dizer que ele barra 71% do calor que entraria no ambiente. Já o vidro de proteção solar da Guardian Neutral 14 (4mm monolítico* – refletivo prata) tem o FS de 23, quer dizer que ele impede que 77% do calor entre no ambiente interno.

 vidros de proteção solar vidros de proteção solar

Tipos de vidro de proteção solar:

Atualmente os vidros de proteção solar oferecidos no mercado têm diversos aspectos e níveis de proteção solar.

Quando vou fazer especificações eu procuro entender primeiro que cor o arquiteto ou proprietário quer, as cores disponíveis são: verde, prata, azul e bronze (não é possível encomendar uma cor específica, temos que trabalhar as opções dentro dessas quatro cores).

vidros de proteção solar vidros de proteção solar

A segunda etapa é saber a insolação que aquela obra recebe em cada uma das fachadas para saber que tipo de proteção solar será necessária, e também se contará com ar condicionado. O quanto do calor que se deve bloquear pode variar de acordo com a orientação da fachada, a estação do ano, o local em que se encontra a edificação e o uso. Mas a variação é pequena. E, considerando um país tropical, sempre é preciso diminuir razoavelmente a quantidade de calor que penetra no prédio.

A terceira etapa é saber se o proprietário prefere vidros mais refletivos ou menos refletivos (espelhados) e saber qual será a ocupação do ambiente, pois o nível confortável de iluminação natural é diferente para cada tipo de uso. Ex: Um quarto de hospital exige uma luminosidade natural mais baixa do que uma cozinha na nossa casa.

vidros de proteção solar

Uma possibilidade que agrada a muitos arquitetos é utilizar um vidro de proteção solar com baixa reflexão, que tem aspecto de vidro comum mas que proporciona proteção solar.

Sempre gosto de esclarecer, a reflexão e a proteção solar andam juntas. Os vidros com baixa reflexão tem proteção solar menor. Tanto a Guardian quanto a Cebrace têm uma linha específica de vidros com baixa reflexão (se assemelham muito a um vidro comum), mas que ainda tem uma proteção muito maior do que um vidro sem proteção solar.

Ex: Vidro de proteção solar de baixa reflexão Cebrace Habitat Neutro Verde (4mm monolítico*)  tem FS de 46, ou seja barra 54% do calor. A Guardian tem o LB 52 (4mm monolítico*) tem FS de 58, ou seja diminui em 48%.

Vidros de proteção solar
                                                Habitat Neutro Incolor – Cebrace (Barra 30% do calor)

Uma dúvida comum é se o vidro de proteção solar altera a cor dos objetos que estão dentro do ambiente como sofás, cortinas e etc… Apesar de colorido por fora o vidro não altera a cor interna (a não ser que ele seja laminado com um intercalante colorido). As fotos abaixo, mostram a parte externa e a parte interna da obra.

                             vidros de proteção solar vidros de proteção solar

O exemplo abaixo é de um vidro refletivo verde:

vidros de proteção solar

Também é possível utilizar os vidros de proteção solar na decoração!

vidros de proteção solar
Bom em vidro refletivo prata (temperado)
vidros de proteção solar
Vidro refletivo bronze nos armários da cozinha!
Vidros de proteção solar
Armário do closet com vidros refletivos champanhe

*Monolítico: Quando o vidro é único, não há laminação. Apenas uma peça de vidro.

Normas técnicas de vidro na arquitetura

O que é?

É um resumo das normas técnicas de vidro na arquitetura, percebendo a dificuldade de achar as normas na internet para por em prática em projetos, construções, reformas e decoração eu resolvi fazer um resumo das normas para te ajudar!

O que eu fiz foi resumir a NBR 7199, a NBR 16259 e a NBR 14488 para facilitar a aplicação correta e segura de vidros na sua obra.

normas técnicas de vidro na arquitetura

Para quem é?

Para todos os interessados em utilizar vidros em seus projetos e construções de maneira segura e dentro das normas!

Quanto custa?

Nada!! Eu realmente só quero disseminar o uso correto e seguro do vidro, afinal o vidro é seguro desde que utilizado corretamente.

E como eu consigo?

Basta acessar esse link aqui e colocar o seu e-mail que eu envio para você! Simples né?

Porque eu fiz esse material?

Porque vejo muita gente oferecendo o errado e dizendo que é certo, o especificador e o consumidor final acabam comprando a solução sem saber que ela não é segura.

Vejo muuuuuito a utilização de vidro temperado com película, onde o vidro DEVERIA ser laminado. A norma não está aí a toa… testes foram realizados para dar a segurança necessária a cada tipo de utilização.

Existem dois tipos de películas no mercado, as decorativas e as de segurança, porém a ABNT/NBR 7199 atual não prevê a utilização de películas adesivas, nem mesmo a película de segurança que é adotada em outras partes do mundo para essa finalidade.

A película de segurança pode ser aprovada em um futuro breve, já que o assunto está em discussão como item adicional à norma 7199, que passa por um processo de revisão. Mas enquanto o seu uso não é testado e regulado, a película não substitui um vidro laminado.

Normas técnicas de vidro

Aos fornecedores e instaladores de vidro…

Vocês são os responsáveis por garantir que o vidro instalado esteja dentro das normas, nossos clientes acreditem e confiam em nós e por isso é nosso dever garantir a segurança deles.

Segundo o Código de Defesa do Consumidor “é vedado ao fornecedor de produtos ou serviços, dentre outras práticas abusivas colocar, no mercado de consumo, qualquer produto ou serviço em desacordo com as normas expedidas pelos órgãos oficiais competentes ou, se normas específicas não existirem, pela Associação Brasileira de Normas Técnicas ou outra entidade credenciada pelo Conmetro”, então estejam atentos nós respondemos legalmente pela aplicação do vidro!

Alguns usam o recurso onde o cliente assina um documento dizendo que estava ciente que o vidro está fora das normas, mas isso não tem valor legal. Isso só prova que você sabia que estava fazendo o errado!

Aos clientes que querem economizar…

A sua segurança, a segurança da sua família e dos usuários dos espaços não tem preço, as normas existem para garantir o correto uso dos vidros, então não peçam ao seu vidraceiro que faça algo fora da norma. Colocar algo fora da norma pode ter um custo menor, mas e se algo der errado? Vale pagar menos por isso? Pense bem, ok!

E lembrando:

O vidro é seguro! Desde que aplicado corretamente. 😉

E box?

Se quer saber sobre box, acesse o nosso post sobre “Escolher corretamente o box do banheiro”!

Distribuição e beneficiamento do vidro

Boa tarde a todos!

Estou de volta e agora para falar do que acontece com o vidro quando ele sai da fábrica!

As fábricas produzem chapas de vidros de dimensões padrões, as mais comuns são 2200x3210mm (2,2×3,21m) e 2400x3120mm (2,4×3,21m), há tamanhos diferentes para vidros decorativos e importados e há também a chapa jumbo que mede 3210x6000mm (3,21×6,00m).

As fabricantes, além de produzir as chapas de vidro nessas dimensões também fazem a laminação de alguns desses vidros (excluindo espelhos e vidros de decoração), mas sempre mantendo as dimensões das chapas dos vidros. Tá bom, mas o que é laminação? Do que você está falando? 

Laminação é um beneficiamento feito com a junção de dois vidros comuns com um intercalante, tranformando-os em uma só peça que traz a segurança necessária à fachadas em vidro, guarda-corpos, coberturas em vidros, entre outros.

distribuição e beneficiamento do vidro

(Apesar da imagem dizer PVB, há outros tipos de intercalantes)

distribuição e beneficiamento do vidro

(Esse é um vidro laminado)

O que as fábricas não fazem? Elas não temperam vidros, não cortam as chapas em peças menores e não lapidam as bordas dos vidros, isso é feito pelas indústrias de beneficiamento de vidros.

Então esses vidros comuns em chapa e laminados em chapas são vendidos aos beneficiadores de todo o brasil. Existem vários tipos e tamanhos de beneficiadores, desde os que fazem a laminação dos vidros (a mesma feita pelas fábricas, porém podendo fazer em peças de vidro e não somente em chapa), os que temperam o vidro e os que fazem as duas coisas.

Porque todos não fazem os mesmos tipos de benefícios? Porque o maquinário para fazer é bem caro e nem todos podem fazer esse tipo de investimento. O forno que tempera o vidro é um investimento menor do que as máquinas necessárias para a laminação do vidro.

{Ok e o que é o vidro temperado? É um vidro comum aquecido a uma temperatura de aproximadamente 600°C e depois resfriado rapidamente. Esse processo aumenta a resistência mecânica e térmica do vidro que fica 5 vezes mais resistente que o vidro comum.}

O beneficiador é quem corta a sua peça na medida que você precisa, se a sua necessidade é de um vidro temperado ele faz a tempêra, se você precisa de um vidro bisotado é ele quem faz também, enfim… é ele quem transforma a chapa de vidro no produto que será instalado na sua casa, escritório, loja, prédio….

O vidraceiro geralmente é a pessoa que compra esse vidro do beneficiador e revende ao cliente final com a instalação e ferragens ou esquadrias.

distribuição e beneficiamento do vidro

Resolvi fazer esse esqueminha para ilustrar a minha explicação.

Conclusão, a cadeia do vidro é comprida e complexa e não há como simplificar sem cortar alguém dessa cadeia. E o fato é que não há como cortar ninguém sem atrasar o processo.

Os próximos posts explicarão melhor o vidro temperado e o vidro laminado!

História do vidro

Em Brasília 19:00. Então boa noite à todos.

A gente muitas vezes imagina o vidro com uma coisas simples e frágil, mas minha idéia é mostrar a vocês que o mundo do vidro é muito mais complexo do que aparenta!

Um pouquinho de história do vidro (quem achar chato pode pular esse post)…

A invenção do vidro é disputada pelos Fenícios e pelos Egípcios, por volta de 4000 AC foi descoberto acidentalmente o vidro, quando pedras de sal foram utilizadas como apoio para panelas no fogo, o terreno era de areia, e a fusão dos elementos trouxe um resultado surpreendente, o vidro. Há relatos de que em 1400 AC o vidro já era soprado pelos egípcios,  que utilizavam a técnica para fazer pequenos objetos artísticos e decorativos.

Historia do vidro

Apesar dos milhares de anos passados, apenas no século XVIII é que a indústria vidreira se estabeleceu, a passagem da produção artesanal para a escala industrial foi bem lenta. A primeira que se tem registro é a da Marinha Grande em Portugal, e ela existe até hoje!

história do vidro

Apesar da escala industrial, a produção de vidro era essencialmente artesanal, utilizando os processos de sopro e de prensagem, e as peças eram produzidas uma a uma. Foi a partir do início do século XX que a indústria do vidro se desenvolveu com a introdução de fornos contínuos e equipados com máquinas semi ou totalmente automáticas para produções em massa. Um fato marcante para o setor vidreiro brasileiro foi o surgimento, a partir do final do século passado, de importantes empresas, que ainda hoje dominam o mercado.

Atualmente os vidros são fabricadas em plantas como essas:

história do vidro

(Fábrica da Guardian em Tatuí – SP – retirada do site da fabricante)

história do vidro

(Fábrica da AGC em Guaratinguetá – SP – retirada do google)

história do vidro (Fábrica da Cebrace em Jacareí – SP – retirada do site da fabricante)

 Essas são as principais fabricantes de vidro no Brasil, há também a CBVP que entrou recentemente no mercado.

Essas fábricas transformam “areia em vidro”, cada uma com sua receita mas o resultado é o mesmo, chapas de vidros incolores e coloridos.

 história do vidro(Chapas de vidros em estoque)

 Essas chapas são compradas pelas grandes beneficiadora de vidros, que então tratam o vidro (temperando, laminando, cortando e lapidando), para que o vidraceiro possa vender ao consumidor final. Há também grandes beneficiadoras que atendem ao cliente final inclusive com instalação – é o caso da empresa que trabalho atualmente e presto consultoria para grandes e pequenas obras.

Bem, acho que para começar a falar do vidro eu consegui ser sucinta! rsss

Até o próximo post.

Fontes:

Wikipedia

Sindicato do vidreiros – SP