Como é feita a piscina de vidro?

Eu sei que vocês também adoram piscina de vidro, mas você sabe como é feita a piscina de vidro? Vou falar um pouco sobre esse processo construtivo, mas que fique bem claro que toda piscina em vidro deve ter um responsável técnico que faça todo o dimensionamento necessário para a correta aplicação do vidro!

piscina de vidro

Qual o melhor momento para começar a construção?

O inverno chegou, e a vontade de entrar na piscina está distante de você, mas se quer uma piscina em sua casa no próximo verão, a melhor forma é pensar nela no frio! O inverno é a melhor época do ano para construir a piscina, por causa do baixo índice de chuvas, o que agiliza a obra e favorece a execução de obras de alvenaria.

piscina de vidro

Piscinas com visor em vidro ou lateral em vidro precisam ter estrutura de alvenaria, que suporte a pressão que o vidro e a água, juntos, exercem na estrutura. Portanto a piscina de vidro não tem um custo baixo!

piscina de vidro

Mas é possível encarar a construção da sua piscina como um investimento, pois de acordo com o mercado imobiliário, ter uma piscina em sua casa pode valorizar o seu imóvel em até 25%. E quando as piscinas são de vidro, a valorização é ainda maior.

Projetando a piscina de vidro:

O projeto da piscina começa pela idéia, o ideal é ter um arquiteto ou decorador envolvido para garantir o melhor aproveitamento do espaço. Com a idéia definida, precisamos buscar quem execute o projeto.

t2g piscina de vidro Aquavision
Imagem da piscina de vidro da Casa Cor por T2G

Para piscinas em vidro, eu gosto de indicar a T2G | Technical Glass Group por ser uma empresa séria, que há anos trabalha com construção de piscinas e tem conhecimento avançado, domínio em engenharia precisa, equipe especializada e softwares específicos.

piscina de vidro aquavision T2g
Piscina de vidro da Maxhaus Berrini por T2G

Presente nos principais resorts do país, a Piscina de Vidro AquaVision® da T2G, trata-se de um projeto único que permite a construção da piscina de vidro em lugares inusitados, aproveitando melhor a topografia do terreno e seguindo sua filosofia de inovar com soluções não convencionais.

Como funciona?

”Para que possamos projetar uma piscina em vidro AquaVision®, o cliente deverá fornecer um esboço ou o projeto da área onde pretende ter o vidro (para nossa avaliação), pode ser um ou mais vidros, não importa o tamanho, sendo eles laterais ou pisos. Estão inclusos no escopo de nossas propostas o detalhamento da civil, projeto executivo, materiais, execução, além de ART e cinco anos de garantia’’, informa o Engenheiro Maurício Margaritelli, diretor executivo da empresa.

Ou seja, com a idéia definida em mãos você pode orçar e contratar a execução da piscina em vidro!

piscina de vidro Aquavision T2G

 Tudo pronto para começar?

Quase! As vezes o projeto precisa de adaptações durante o desenvolvimento da solução, então pode ser que depois da avaliação seja necessário rever o projeto até a melhor solução de fixação e estrutura para o tipo de piscina desejada seja encontrada. Isso pode requerer algumas visitas à obra e reuniões para definição de soluções que se encaixem na expectativa do proprietário.

Com o projeto aprovado, mãos à obra!

As primeiras primeiras etapas da construção são iguais na construção de qualquer piscina em alvenaria, com a escavação do terreno onde houver necessidade, preparo do solo para ser concretado e concretagem do piso e paredes da piscina.

piscina de vidropiscina de vidro

Durante a montagem da parede, o vão onde o vidro entra deve ficar livre, conforme o projeto. Esse vão precisa de um rasgo, que é onde o vidro será encaixado – a profundidade do rasgo vai depender do tamanho do vidro e da pressão que ele vai receber.

piscina de vidro

Depois que o espaço onde o vidro vai estiver pronto, são feitas as medidas para a fabricação do vidro, já que durante o processo de construção pode haver pequenas alterações nas dimensões do encaixe do vidro.

O esquema abaixo mostra como é o rasgo na estrutura e como o vidro é encaixado nesse rasgo.

piscina de vidropiscina de vidro

Há outras maneiras de fixar o vidro, como o exemplo abaixo onde um perfil metálico é fixado na alvenaria e o vidro é encaixado no perfil metálico.

piscina de vidro piscina de vidro

A impermeabilização pode ser antes ou depois do encaixe do vidro, tudo depende do tipo de estrutura de fixação do vidro! Nessa solução abaixo a impermeabilização vem depois do encaixe do vidro.

Piscina de vidro curvopiscina de vidro curvo

A piscina acabada:

piscina de vidro curvo

Após a finalização da piscina sempre é feito um teste de estanqueidade, a piscina recebe água mas é monitorada para possíveis vazamentos.

Abaixo uma piscina com um pouco de água no fundo para testar a impermeabilização do fundo!

piscina de vidro

Abaixo o teste de estanqueidade da piscina toda, com ela pronta!

piscina de vidro

 

E se for em um edifício?

Para piscinas incorporadas na arquitetura de residências ou edifícios, o processo de desenvolvimento do projeto começa bem antes, junto com o desenvolvimento do edifício ou casa. Pois todas as cargas devem ser previstas antes de construir a estrutura que vai receber a piscina!

piscina de vidro suspensa

A piscina acima, fica num edifício residencial na Suíça. A ponta da piscina se projeta na fachada do prédio destacando a piscina e permitindo aos usuários uma vista privilegiada!

 Mas, geralmente, as piscinas que ficam nos edifícios e na estrutura das casas têm o fundo em vidro, ou a lateral para que o interior da piscina seja visto por algum cômodo da casa.

piscina de vidro

A piscina abaixo é de um duplex de um dos edifícios Maxhaus em São Paulo, as laterais e o fundo são em vidro o que traz a sensação de leveza à piscina e o fundo ilumina o ambiente logo abaixo!

piscina de vidro maxhaus

Esse tipo de piscina tem a fixação na estrutura do edifício com encaixe pré definido em projeto e são utilizados, silicones e fitas próprias para a instalação do vidro.

A piscina também pode ter só o fundo em vidro, como a piscina abaixo, e como em qualquer outra piscina diversas estruturas podem ser estudadas como essa metálica com apoio também em vidro.

piscina de vidro

Profundidades:

Se estiver com dúvida quanto à melhor profundidade, dá uma olhadinha no esquema à baixo:

profundidade piscina de vidro

 

Mais idéias para piscinas de vidro:

O vidro pode estar no encontro entre a piscina e o spa.

piscina de vidro

Somente em uma lateral, que não precisa ser muito alta.

piscina de vidro

A lateral toda formando uma parede de vidro.

piscina de vidro

Todas as laterais em vidro.

piscina de vidro

piscina de vidro

piscina de vidro

E se a lateral também for um guarda-corpo em vidro? No alto de um prédio.

piscina de vidro

Com a borda tipo cascata.

piscina de vidro

Com duas bordas em vidro.

piscina de vidro

 piscina de vidro

Integrada com a arquitetura.piscina de vidro

Gostou das idéias? Tem muitas outras aqui!

Vidro temperado e laminado?!

Quando imaginamos um vidro de segurança, logo pensamos em um temperado ou em um laminado mas o mais seguro é o vidro temperado e laminado, ou laminado DE temperado como algumas pessoas dizem.

Vidro temperado e laminado.

Já expliquei o que é vidro laminado aqui e o que é vidro temperado aqui, agora vamos falar das duas coisas juntas!!

Sim, é possível ter um vidro temperado e laminado, aliás para algumas aplicações ele é obrigatório.

vidro temperado e laminado

Um exemplo é o sistema Spider (também conhecido como Aranha). Geralmente aplicado em fachadas, coberturas e guarda-corpo esse sistema exige um vidro laminado de acordo com a NBR 7199 pelo tipo de aplicação deles (risco de acidentes) e também devem ser temperado devido aos furos que são feitos nos vidro para que recebam a estrutura Spider. Outra necessidade de temperar esses vidros é que a dimensão das peças vem crescendo cada vez mais e isso exige vidros mais resistêntes ao seu peso próprio.

vidro temperado e laminado

(Skye Bar – Hotel Unique em São Paulo – Exemplo de guarda-corpor em sistema Spider)

Os vidros com furos que não são temperados tendem a fissurar e quebrar devido á dilatação do vidro ao longo do tempo, ou quando sofrem algum esforço fora do comum (algúem apoiando por exemplo).

Esse vídeo mostra a quebra do temperado e laminado, mostra como ele é resistente e seguro.

Outro uso importante do vidro temperado e laminado é em pisos de vidro e degraus em vidro. Como são composições que irão receber cargas pontuais, elas precisam de maior resistência.

 vidro temperado e laminado vidro temperado e laminado

Estes vidros precisam ser laminados para evitar que o vão se abra em caso de quebra, o que causaria sérios acidentes e permite que o vidro continue no lugar até a sua troca.

Também é possível temperar somente a lâmina de cima, o que diminui o custo da composição sem trazer trazer ônus ao projeto (dependendo do projeto, ok?). Dessa maneira o vidro superior recebe o peso pontual e distribui para o vidro inferior melhor distribuído, o que garante o bom desempenho de degraus e pisos de vidro.

Visores de piscina não tem obrigatoriedade de ter o vidro temperado e laminado, ele pode ser somente laminado. Porém quando utilizamos dois ou mais vidros temperados na composição podemos diminuir a espessura final desse vidro. Por exemplo:

Se eu quero um visor de piscina com 1,70m de altura por 1,0m de largura, somente laminado preciso de no mínimo 30mm de espessura para alcançar a resistência necessária. Já uma composição de temperado e laminado posso diminuir a espessura mínima para 20mm, ainda alcançando a mesma resistência necessária para aguentar a pressão da água da piscina. (OBs.: Fiz esses cálculos para uma piscina específica, não serve para qualquer piscina).

vidro temperado e laminado

Como cada projeto é um projeto e há diversas maneiras de uso do vidro, procure saber a norma de aplicação para o uso que você deseja do vidro. Eu simplifiquei a norma aqui! =)

{ Piscinas de vidro }

 

piscinas de vidroEu sou suspeita, mas adoro visores de vidro em piscinas. Acho que eles trazem leveza e dão um “tchans” no projeto, e pelo jeito não sou só eu já que o uso de paredes de vidro em piscinas vêm aumentando e também surpreendendo pela criatividade.

Há diversas maneiras de incorporar o vidro à piscina, seja com um grande visor lateral, seja no fundo da piscina, seja como uma faixa no topo da piscina… Então vamos explorar um pouco mais esse assunto e saber como é esse vidro.

Visores laterais:

Eles podem estar em qualquer lateral da piscina e ter diversos tamanhos e formas.

piscinas de vidropiscinas de vidro

O visor pode ser um segmento da lateral da piscina ou a lateral completa, como as piscinas abaixo:

piscinas de vidropiscinas de vidro

Os visores também podes ser redondos ou curvados.

piscinas de vidropiscinas de vidro

Bordas em vidro:

A borda acontece quando a piscina é muito mais funda do que o vidro deixa ver, o vidro está só no topo da piscina.

piscinas de vidropiscinas de vidro
piscinas de vidropiscinas de vidro

piscinas de vidro

A imagem abaixo mostra o uso do vidro como borda infinita (quando o nível da água vai até o topo podendo transbordar) e em toda a extensão da borda. Gostei muito dessa idéia que traz leveza e faz a água parecer flutuar.

piscinas de vidro

Outro projeto que me encantou foi a dessa hidromassagem, com a mesma idéia da piscina anterior o vidro fica em toda a extensão da borda, com o nível da água até o topo.

piscinas de vidropiscinas de vidro

E essa piscina abaixo que recebeu iluminação de LED na base de instalação do vidro, que deu esse efeito muito legal para destacar a piscina à noite.

piscinas de vidropiscinas de vidro

Pisos de vidro:

Uma maneira muito legal de usar o visor é no piso da piscina, integrando os andares da edificação. O resultado é uma integração que gera sensação de bem estar e difunde a iluminação natural através da piscina chegando no andar inferior.

piscinas de vidropiscinas de vidro

A piscina acima na direita é de uma academia na Suiça e do andar inferior é possível ver a piscina independente do local que a pessoa esteja, imagina que sensação gostosa! E de quebra a cobertura da piscina é retrátil.

Abaixo uma imagem de um dos andares abaixo da piscina.

piscinas de vidro

A residência abaixo, Jellyfish House fica na Espanha e utilizou a piscina como cobertura da varanda, reduzindo a iluminação direta e protegendo a área ao mesmo tempo. A piscina é bem grande e é possível vê-la em outras partes do edifício.

piscinas de vidro

A cobertura abaixo fica no Rio de Janeiro e traz uma solução muito parecida com a de cima. Porém ao invés do fundo da piscina, o que recebeu vidro foi o fundo do “deck molhado” (espaço de pouca profundidade para tomar sol), difundindo iluminação natural.

piscinas de vidropiscinas de vidro

Visor tipo aquário: 

São visores em vidro que ficam na parede que divide a piscina e um ambiente da edificação, trazendo também a sensação de integração e iluminação natural.

piscinas de vidropiscinas de vidro

Mas seja qual for a maneira que te agrada, o projeto deve ser muito bem estudado e realizado por empresas especializadas que vão trabalhar em conjunto com a estrutura da piscina a melhor maneira de conceber e realizar a obra.

Quanto maior a quantidade de vidro desejada, mais complexa a solução para o projeto e por isso não se deve fazer com qualquer pessoa. É necessário garantir tanto a segurança dos usuários como a estanqueidade do conjunto.

O vidro precisa ser bastante resistente já que a pressão que a água exerce nele é grande, por isso o ideal é que além de ter maior espessura que vidros que usamos em janelas por exemplo, ele seja multi-laminado (mais de uma laminação) e temperado (garantindo maior resistência e que o vão não se abra em caso de ruptura).

Na imagem abaixo podemos ver um exemplo disso, vidro com duas laminações e de grande espessura, não é possível enxergar que o vidro é temperado, mas isso garante maior resistência ao conjunto.

piscinas de vidro

Sei que muita gente não gosta do vidro assim sem acabamento por cima, mas tudo depende do efeito final que você procura, abaixo uma das opções de acabamento.

piscinas de vidro

O aço inox que tem alta durabilidade e agrada a muitas pessoas, pode ser utilizado dobrado no topo do vidro escondendo as laminações dele.

piscinas de vidro

Para paredes de vidro muito extensas, com com uma grande pressão de água é necessário que haja uma estrutura reforçada para que o vidro tenha o apoio necessário. Na imagem acima há um pilar de apoio em aço inox que permitiu reduzir a espessura do vidro e utilizar peças menores .No exemplo abaixo temos as duas ciosas, uma grande extensão e muita água fazendo pressão.

piscinas de vidro

A chapa de vidro tradicional tem 3,21×2,20m ou 3,21×2,40m, se a dimensão da peça ultrapassa os 3,15m (a lapidação das peças tiram o comprimento) ela precisa ser dividida já que não é possível fazer maior que o tamanho da chapa.

Existem as chapas de vidro chamadas jumbo, que tem 3,21×6,00m de dimensão, porém utilizá-la em um projeto significa aumentar significativamente os custos, por isso se sua peça passar de 3,15m de extensão consulte com a empresa que fará o vidro sobre as soluções possíveis e os valores.

Até a próxima!