All About Me: Monise Carvalho

 

Monise CarvalhoMeu nome é Monise Carvalho, sou formada em Arquitetura e Urbanismo pelo UniCEUB de Brasília desde 2007 e pós-graduada em Design pelo IED desde 2009, fiz recentemente um curso sobre fachadas sustentáveis na NABA em Milão o que me ajudou a unir meus conhecimentos em arquitetura e vidros.

Por três anos tive a oportunidade de trabalhar na maior fabricante de vidros do Brasil, a Cebrace, onde era consultora técnica em vidros. O que isso quer dizer é que eu me tornei especialista em vidros e auxiliava a correta especificação de vidros para construtoras, engenheiros e arquitetos, além de dar palestras e treinamentos sobre vidros, seus desempenhos acústicos e térmico, normas e diversidade.

Atualmente trabalho em uma empresa que atua em projetos de alto padrão em vidro, dou consultoria nos projetos do início ao fim da obra acompanhando também a instalação se necessário, para garantir um produto final de qualidade e pleno desempenho que atende a todas as expectativas.

Juntando meu conhecimento em arquitetura e construção com o meu conhecimento sobre vidro e tudo que engloba o mundo vidreiro, resolvi criar o AATG. Esse espaço se destina a trazer informações sobre vidros na construção civil e suas aplicações na arquitetura, baseado em normas e melhores práticas.

 

22 comentários sobre “All About Me: Monise Carvalho

  1. estou construindo uma casa e gostaria de contratar a consultoria de vidros. Enviei um email para aatg.gmail e retornou. Você tem um telefone de contato?
    Abs,
    Paulo

    1. O seu blog é referência no assunto Monise. Parabéns!
      Visitei uma fábrica de esquadrias, pois minha futura casa terá muito vidro laminado. Notei que a grossura do pvb era mínima. Era da grossura de uma folha de papel e achei fina em comparação com as imagens do seu blog. É possível escolher a grossura do pvb? Pergunto isso pois gostaria do vidro mais seguro possível para a minha residência, sem gastos excessivos (a exemplo do vidro blindado).
      Outra dúvida que eu possuo é em relação à grossura dos vidros. A empresa indicou um laminado de 4mm mais 4mm. Por outro lado, um amigo me indicou um laminado de 5mm mais 3mm, pois esta composição forneceria uma proteção acústica melhor. A informação procede? Quais seriam as vantagens e desvantagens?
      Grato e bom trabalho!!!

      1. Olá Paulo!
        O PVB tem a espessura de 0,38mm, ele é bem fininho mesmo! Porém é possível aplicar mais de uma camada de PVB na laminação dos vidros, mas depende do tipo de vidro e do resultado que você espera do conjunto.
        Quando tratamos de acústica, o vidro laminado com mais de uma camada de PVB tem melhor performance, e o vidro laminado com espessuras diferentes também auxilia porque barra ondas de comprimentos diferentes, reduzindo diferentes níveis de som. É importante que essa diferença de espessura entre os dois vidros não ultrapasse os 2mm, para evitar quebras espontâneas quando o vidro “trabalha” na mudança de temperatura.
        A desvantagem nesse tipo de solução, com duas espessuras diferentes de vidro, é que o mercado trabalha pouco com essa solução e o custo é mais elevado.
        O ideal é utilizar mais de um PVB com laminação de espessuras diferentes! MAS a esquadria também tem que estar preparada acusticamente, se não o ruído vai entrar por qualquer frestinha, mesmo tendo um excelente vidro instalado.
        Espero ter ajudado!

  2. Boa tarde.
    Estamos reformando o banheiro da suíte e havíamos gostado do kit da Roll it. Contudo, vimos que existe também o Ideia Glass. Qual seria a diferença entre eles? Será que você poderia ajudar?
    Obrigada,

    Natalia

    1. Olá Natalia,

      A diferença está no design, já que em termos de qualidade as duas marcas são equivalentes. As duas trabalham com produtos de aço inox, o que garante desempenho e qualidade por muitos e muitos anos.
      A Roll it geralmente tem um preço mais alto, e também tem mais opções de design já a Ideia Glass tem menos opções mas o preço sai um pouco mais em conta. Sugiro que procura pelos modelos de box das duas e veja aquele que mais gosta de cada e faça um orçamento.
      É importante que a instalação seja bem feita, por isso escolha um vidraceiro ou vidraçaria de confiança.

      Agradeço o interesse e se precisar, pode entrar em contato pelo email: contato@allaboutthatglass.com

      Monise!

  3. tudo perfeito ,maravilhoso mesmo parabéns MONISE CARVALHO, talento e bom gosto uma mistura perfect …..pena que não é para mim muito chick, kkkkk é só para os fortes .Mais continuarei sonhar bjsss sucessos!!!!!

  4. Boa tarde, Monise! Parabéns pelo site ! Observei que há uma porta, onde o espelho foi colocado sobre a madeira e como eu gostaria de esquadrias em espelho em casa, porém, não encontro quem as execute,mesmo sabendo que é algo possível, ficaria grata se vc pudesse me indicar uma vidraçaria que executasse esquadrias em espelho colocado sobre madeira (sem moldura), como na foto ou em vidro refletivo. Aliás, gostaria de saber se o vidro refletivo (espelho prata) fica com a aparência de espelho prata mesmo? Pq esta porta é para área interna, porém, não é medida padrão, portanto terá que ser produzida em MDF e posteriormente instalar o espelho nela. Pensei em colar o espelho no vidro temperado, mas, já me explicaram q não é possível e que tampouco poderia ser feita apenas em espelho, por esse não ser temperado. Então, concluí que me restam apenas 3 opções:
    MDF com espelho sobre ele; Vidro Refletivo ou Diamond Guardian. Gostaria que não fosse no Guardian, por 2 motivos: ele é translúcido e se enxerga o lado oposto (mas, isso teria solução) e por ele não parecer um espelho prata, observando-os lado a lado. Será que vc poderia me ajudar ? Grata!

    1. Boa tarde Cida,
      Uma opção é utilizar o vidro refletivo e para que ele fique como um espelho é possível colar na parte de traz uma película opaca, que tira o aspecto transparente do vidro. Melhor seria se a película fosse preta que aí potencializamos o aspecto refletivo do vidro.
      Os vidros refletivos não vão ter o espelhamento do espelho, eles são um prata escuro, um ciza… Somente o espelho tem esse aspecto.
      É possível procurar lojas que façam a espelhação do vidro incolor temperado, porém esse processo é artesanal e não tem a duração de um espelho fabricado nas grandes indústrias.
      Espero ter ajudado!
      Atenciosamente,
      Monise Carvalho

  5. Ahh mais uma pergunta: “O vidro Refletivo é aquele em que se cola uma película? ” Me desculpe, por possíveis erros, pois sou totalmente leiga no assunto. Grata!
    PS : Aguardo sua ajuda!
    Uma boa tarde !

    1. Olá Cida,
      O vidro refletivo não tem película, ele é um vidro que recebe um tratamento diferenciado em sua fabricação e ganha o aspecto espelhado além de ser um vidro de excelente performance térmica.
      A película pode ser aplicada em qualquer vidro, porém sua durabilidade e performance térmica são inferiores ao vidro refletivo que sai de fábrica já tratado.
      Atenciosamente,
      Monise Carvalho

  6. Olá Monise.

    Parabéns pelo belíssimo trabalho com o blog. A riqueza de informação e a maneira simples como você passa seus conhecimentos é espetacular.
    Descobri há pouco dias o seu blog através do seu perfil no instagram e estou achando ele incrível.

    André Ramos
    Fortaleza – CE

  7. Parabéns pelo site! É referência para quem busca soluções e conhecimentos em vidros.
    Gostaria de saber as vantagens e desvantagens de colocar na minha futura casa vidros laminados de 5mm+3mm ao invés de 4mm+4mm. Busco segurança e conforto acústico.

    1. Olá Paulo!
      O PVB tem a espessura de 0,38mm, ele é bem fininho mesmo! Porém é possível aplicar mais de uma camada de PVB na laminação dos vidros, mas depende do tipo de vidro e do resultado que você espera do conjunto.
      Quando tratamos de acústica, o vidro laminado com mais de uma camada de PVB tem melhor performance, e o vidro laminado com espessuras diferentes também auxilia porque barra ondas de comprimentos diferentes, reduzindo diferentes níveis de som. É importante que essa diferença de espessura entre os dois vidros não ultrapasse os 2mm, para evitar quebras espontâneas quando o vidro “trabalha” na mudança de temperatura.
      A desvantagem nesse tipo de solução, com duas espessuras diferentes de vidro, é que o mercado trabalha pouco com essa solução e o custo é mais elevado.
      O ideal é utilizar mais de um PVB com laminação de espessuras diferentes! MAS a esquadria também tem que estar preparada acusticamente, se não o ruído vai entrar por qualquer frestinha, mesmo tendo um excelente vidro instalado.
      Espero ter ajudado!

  8. Boa noite
    Estou necessitando fazer um guarda corpo com vidro autoportante , para a piscina do condominio.
    Gostaria de saber se voces fazem este tipo de orçamento.

    66,0 metros lineares
    0,90 m ( altura do vidro ) + 0,20 m ( sapata , viga em torno da piscina ) = 1,10 m altura
    Vidro fumê. (10 mm)

    atenciosamente,
    Luiz Roberto

  9. Parabéns pelo trabalho, Monise!
    Sou uma arquiteta e designer que ama vidro, e quero me especializar no uso deste material. Pretendo desenvolver uma linha de móveis e objetos em vidro refletivo, e penso que seu conhecimento será de grande ajuda.
    Deixarei meu endereço abaixo para receber material pertinente.
    Agradeço a atenção.

    1. Olá Mônica,
      Fico feliz que tenha gostado!
      Infelizmente eu não tenho nenhum material que fale sobre móveis e objetos em vidro, até porque cada caso e funcionalidade necessita de uma solução muito específica.
      Móveis precisam de cálculo de resistência e espessura que dependem da forma, uso e material desejado. Sugiro que faça parcerias com empresas que já trabalham nesse segmento.
      Atenciosamente,
      Monise Carvalho

  10. Ola Monise,

    Gostaríamos de instalar uma piscina de vidro em nossa varanda, so que moro em Recife-PE, por acaso você conhece alguém que possa executar esse trabalho aqui?

    Atenciosamente,

    Felipe

Deixe uma resposta